Tags

, , , , , ,

Antes de se renderem às ombreiras e guitarras sem cravelhame dos anos 80, bandas como Yes e Genesis criavam álbuns que definiam um género, o descomprometido progressivo. A música libertava-se em harmonias que se limitavam apenas pela criatividade.

Estranhamente, o progressivo eclipsou-se num fenómeno que não acredito reflectir um esgotamento criativo do próprio género, outros géneros  surgiram como um falsos refúgios para complexidade que o prog envolve, tais como punk. Felizmente, foi incorporado no Heavy-Metal e no metal progressivo, em todo o seu esplendor.

“I represent a firm of gentlemen who recently purchased this
house and all the others in the road,
In the interest of humanity we’ve found a better place for you
to go, go-woh, go-woh” (de Get ‘Em Out by Friday)